Assessoria de Imprensa
Ao longo dos últimos anos, computadores, servidores, cabeamento e todo um sistema foi implantado para agilizar atendimentos e melhorar a vida de profissionais e pacientes.
Aliado aos investimentos na contratação de médicos, enfermeiros, técnicos e outros profissionais, todo o crescimento do Hospital Soriano Corrêa da Silva de Maracaju, englobou também um moderno sistema de informática com a aquisição de hardwares e softwares que agilizaram o atendimento a comunidade e fizeram da entidade um dos primeiros hospitais totalmente informatizados do interior do estado.
Um dos profissionais envolvidos nessa transformação do setor de informática da entidade, Carlos da Geowork Consultoria e Processos Administrativos salientou que se trata de um longo trabalho desenvolvido ao longo dos anos.
“Durante dois anos fizemos uma análise de diversos sistemas e começamos a implantação, envolvendo todo um estudo de sistema, computadores, cabeamento e estrutura de informática que seria necessário e, fora isso toda a parte de processos, atualmente já iniciamos o uso do sistema escolhido, sempre aliando custo ao benefício e que traga para o corpo clínico as informações que eles precisam para dar continuidade ao tratamento dos pacientes.” Explicou Carlos.
Para o proprietário da Betel Informática, Juciê Fernandes cerca de 99% do projetado já está concluído e, brevemente, todo o projeto estará em pleno funcionamento, contando com uma tecnologia de ponta e buscando com que o Hospital de Maracaju não tenha problemas na utilização do software.
“Viemos dar um suporte e apoio ao Carlos que estava desenvolvendo toda a parte de projeto e processos, envolvendo tanto a parte de infraestrutura quanto a parte de processos do Hospital de Maracaju. A direção do Hospital teve a intenção de automatizar e inserir uma tecnologia que fosse capaz de melhorar todo o atendimento, trabalhamos muito para colocar tudo aquilo que estava no papel em pleno funcionamento.” Explicou Juciê Fernandes.
Para o Prefeito Maurílio Azambuja o Hospital de Maracaju conta com todo o suporte necessário para o bom atendimento ao paciente, médicos, enfermeiros e outros profissionais altamente especializados e dedicados, mas também toda uma estrutura informatizada, visando facilitar a comunicação entre os profissionais e agilizar o atendimento como um todo.
“Não é somente computadores, sabemos que para chegar as informações até aqui há todo um trabalho de cabeamento, servidores, sistemas e outros dados, somente tenho que agradecer por toda essa estrutura e trabalho montado, isso que procuramos, dar condições de trabalho para todos que trabalham no Hospital de Maracaju possam trabalhar de maneira eficaz e, consequentemente, possibilitar um melhor atendimento a nossa população.” Explicou Maurílio Azambuja.
COMPARTILHAR